OS MELHORES CELULARES E TECNOLOGIAS PARA 2022

 57 total views

Os fabricantes de celulares estão sempre em busca de inovações para conquistar os consumidores e garantir um lugar de destaque para a sua marca, em meio a um mercado cada vez mais concorrido e cheio de opções. Telas flexíveis, carregamento sem fio, leitor biométrico, internet 5G, desbloqueio por reconhecimento da íris, display sem bordas e conjunto fotográfico com várias lentes são algumas das inovações tecnológicas que já conquistaram o mundo.

Mas o que a tecnologia do futuro reserva para os smartphones? Em agosto, a Samsung deu uma mostra do que pode estar por vir nos próximos anos, com o registro de uma patente de celular com tela transparente, possibilitando ver através do telefone, literalmente. O desenho patenteado apresenta um aparelho com tela OLED translúcida, permitindo a exibição de conteúdos no display, ao mesmo tempo em que o usuário consegue visualizar tudo localizado atrás do dispositivo.   E não é só marca sulcoreana que tem trabalhado no desenvolvimento de novidades para se manter competitiva. A seguir, vamos conhecer algumas das tecnologias que você pode ver nos smartphones em breve.

A fabricante chinesa Vivo quer se tornar a primeira marca a lançar um celular cuja parte traseira possa mudar de cor, conforme as preferências do usuário, deixando o aparelho mais personalizado.

  O dispositivo, ainda sem data de lançamento, conta com um painel de vidro eletrocrômico semelhante ao usado em janelas de aviões e hotéis, que troca de tonalidade ao simples toque de um botão. Usando materiais de alta transparência, a ZTE desenvolveu o primeiro celular com câmera de selfie embutida na tela. A tecnologia elimina a necessidade de entalhes, módulos e outras técnicas, já que a lente fica escondida sob o display, só aparecendo na hora de ser usada.   O ZTE Axon 20 5G deve chegar às lojas chinesas em breve. Por enquanto, não há planos de lançamento em outros países. Que tal recarregar os fones sem fio no próprio smartphone, deixando de lado os estojos de carregamento? É o que está pensando em lançar a Xiaomi, cujos protótipos mostram fones embutidos na carcaça do celular.

A ideia, baseada na caneta stylus, também pode ser uma boa alternativa para quem vive esquecendo os fones. Além disso, eles ainda têm a capacidade de funcionar como altofalantes para o telefone, quando encaixados nos respectivos slots, aumentando a potência do som. Com o carregamento sem fio ganhando cada vez mais destaque, eliminando a necessidade de uma porta para plugar o carregador, pode ser questão de tempo para que os celulares sem qualquer entrada ou saída física comecem a chegar às lojas.     Vivo e Meizu são empresas que já apresentaram conceitos seguindo este design, caracterizados também pela ausência de botões físicos, substituídos por sensores capacitivos. Em vez das frequências de rádio, a tecnologia LiFi usa a luz para transmitir dados, resultando em uma velocidade muito superior, chegando a ser cerca de 100 vezes mais veloz que o WiFi. A Oppo quer ser a primeira fabricante a contar com essa inovação em seus dispositivos, tanto que registrou, recentemente, uma patente de celular com LiFi.

Os celulares do futuro prometem muitas novidades que vão transformar a maneira como lidamos com nossos smartphones. Marcas como Samsung, Apple, Xiaomi, Motorola e TCL já trabalham com inovações que podem mudar a indústria nos próximos anos. São esperados aparelhos enroláveis, com câmeras mais inteligentes, telas mais resistentes e acessórios bastante curiosos. Além disso, um dos pontos mais importantes de melhoria deve ser a conectividade, com redes 6G e Internet LiFi, que transmite dados pela luz. A evolução dos celulares nos últimos anos foi muito grande.

 

Atualmente, já temos acesso a tecnologias que, até algum tempo, pareciam coisa de ficção científica, como as telas dobráveis. No entanto, as empresas não param de inovar e sempre é possível esperar mais. Por isso, resolvemos reunir as principais previsões futuristas para a indústria de smartphones e trazer a você uma visão do que será o celular do futuro. Embora algumas pareçam loucura, outras já estão bem próximas de se tornarem realidade. Também conversamos com algumas fabricantes para saber quais são as expectativas para daqui a alguns anos. Vale ressaltar que todas as novidades mencionadas neste artigo já foram, de alguma forma, anunciadas pelas empresas ou comentadas pela indústria.

 

Por isso, são aguardadas para um futuro próximo. Outro ponto importante é que não necessariamente todas essas tecnologias vão estar presentes no mesmo aparelho. As fabricantes vão trabalhálas conforme acharem melhor. Além disso, obviamente, muitas delas estarão disponíveis primeiramente nos aparelhos premium. Veja o que esperar do celular do futuro.

 

Em relação ao design, é possível esperar grandes mudanças visuais nos celulares do futuro. Os smartphones dobráveis, que até pouco tempo eram tão aguardados, já não são mais novidade. Entre 2019 e 2020, a Samsung lançou o Galaxy Z Flip e duas gerações do Galaxy Z Fold, enquanto a Motorola reinventou o Motorola Razr, que fez sucesso nos anos 2000. Outro modelo que não está mais à venda no Brasil, mas que também chamou atenção com o visual dobrável foi o Huawei Mate X. Agora, muito além da tela que dobra, os usuários poderão usar celulares enroláveis, com displays que se expandem. Algumas fabricantes, inclusive, já mostraram aparelhos que utilizam esse conceito, e a TCL foi uma das pioneiras. Durante a CES 2020, a empresa apresentou um dispositivo que se expande e enrola como se fosse um pergaminho e outro que dobra em três partes. Na ocasião, a companhia disse estar trabalhando em mais de 30 modelos de smartphones dobráveis.

Em entrevista para o Zoom, o Country Manager da TCL Mobile no Brasil, Alex Cao, confirmou o interesse da marca em lançar um smartphone dobrável ainda este ano. Apesar de já ter vários conceitos em desenvolvimento, a empresa reconhece que esse tipo de dispositivo tem especificidades que podem tornar a produção mais complexa.

Outra marca que também vem trabalhando com esse tipo de tecnologia é a Oppo. Em novembro de 2020, a fabricante chinesa apresentou o X 2021, um conceito de smartphone dobrável que tem tela de 6,7 polegadas quando fechado, mas que pode se expandir até 7, polegadas quando aberto, ficando parecido com um tablet.